A política dos eleitores no Facebook dos candidatos: processos interacionais nas eleições presidenciais de 2014

interactional processes in the 2014 presidential election

  • Lídia Raquel Herculano Maia Unisinos
Palavras-chave: Processos Interacionais, Eleições 2014, Facebook

Resumo

As eleições presidenciais brasileiras de 2014 foram marcadas por intenso processo de debates nas redes e nas ruas. O que propiciou o estabelecimento de vínculos dos eleitores entre si e com equipes de campanha. Nesse contexto, este artigo investiga os processos interacionais desenvolvidos nas páginas dos três principais candidatos à Presidência no Facebook. A partir de uma pesquisa empírica de viés qualitativo, discutimos a midiatização da política e tensionamos a circulação de sentidos em três prismas: a) o da participação do eleitor como coprodutor dos conteúdos que lhe são endereçados; b) o da formação de zonas de contato entre internautas e equipes de campanha e c) o das zonas de embates tecidas pelos eleitores no espaço destinado aos comentários. Concluindo que a política dos eleitores é a da disputa discursiva em espaços públicos simbólicos construídos nas redes sociotécnicas.

Referências

ALMEIDA, Jorge. Cultura política e marketing na campanha de Dilma Rousseff em 2014. In: Anais do VI Congresso da Associação Brasileira de Pesquisadores em Comunicação e Política (COMPOLÍTICA). Rio de Janeiro (PUC-Rio), 2015.

BARROS FILHO, Clóvis. Curso de Ciência Política da graduação em Relações Públicas da ECA/USP. 2013. Notas de aula. Disponível em .

BRAGA, Adriana; RODRIGUES, Adriano. Análises do Discurso e Abordagem Etnometodológica do Discurso. In: ANAIS DO ENCONTRO ANUAL DA COMPÓS. 23. 2014, Belém.

BRAGA, José Luiz. Midiatização como processo interacional de referência. Versão revista de artigo apresentado no GT Comunicação e Sociabilidade, do XV Encontro da Compós, na Unesp, Bauru, São Paulo, em julho de 2006.

______. Comunicação, disciplina indiciária. In: Revista Matrizes. Vol. 1. Nº 02, abril de 2008, p.73-88. Disponível em:.

______. Dispositivos Interacionais. In Anais do XX Encontro Anual da Compós, GT Epistemologias da Comunicação, Porto Alegre: UFRGS, 14 a 17 de junho. Disponível em: http://www.compos.org.br/data/biblioteca_1657.doc , 2011.
______. Circuitos versos campos sociais. In: MATOS, Maria Ângela; JANOTTI JUNIOR, Jeder; JACKS, Nilda Aparecida. Mediação e Midiatização: Livro Compós 2012. Salvador/Brasília: UFBA/COMPÓS, 2012.

______. Dispositivos Interacionais. In: BRAGA, José Luiz; CALAZANS, Regina; RABELO, Leon et al. Matrizes Interacionais – A comunicação constrói a sociedade. Campina Grande: EDUEPB, 2017.

DEACON, David; STANYER, James. Mediatization: key concept or conceptual bandwagon? In: Media, Culture & Society. 2014, vol.36(7).

FAUSTO NETO, Antônio. A circulação além das bordas. Mediatizacióm, Sociedad y Sentido: Diálogos Brasil y Argentina. Rosário: UNR, 2010.

HARLOW, Summer. It was a Facebook Revolution: Exploring the Media Narratives of the Egyptian Protests. Revista de Comunicacion, 59-82, 59-82. 2013.

HJARVARD, Stig. A midiatização da cultura e da sociedade. São Leopoldo: Ed. UNISINOS, 2014.

MAIA, Lídia R.; COELHO, Maria G. P. O Canal Maspoxavida e a relação entre fãs e microcelebridades no YouTube. Revista Fronteiras . 18(1):96-106 janeiro/abril 2016. 2016.

MARQUES, Jamil; SAMPAIO, Rafael. ELECTION AFTER ELECTION: Rupturas e continuidades nos padrões mediáticos das campanhas políticas online. In: XX Encontro da Compós. Porto Alegre: 2011.

PÁGINA Oficial de Aécio Neves. Disponível em: < https://www.facebook.com/AecioNevesOficial/?fref=ts>.

PÁGINA Oficial de Dilma Rousseff. Disponível em: < https://www.facebook.com/DilmaRousseff/?fref=ts>.

PÁGINA Oficial de Marina Silva. Disponível em: < https://www.facebook.com/marinasilva.oficial/?fref=ts>.

PARISER, Eli. The Filter Bubble: What the internet is hiding from you. USA: Penguin Group, 2011.

SCHOPENHAUER, Arthur. 38 estratégias para vencer qualquer debate: a arte de ter razão. São Paulo: Faro Editorial, 2014.

SENNETT, Richard. Juntos: os rituais os prazeres e a política da cooperação. Tradução de
Clóvis Marques. Rio de Janeiro: Record, 2012.

SHIRKY, Clay. A cultura da participação: Criatividade e generosidade no mundo conectado. Tradução de Celina Portocarrero. Rio de Janeiro: Zahar, 2011.

STROMER-GALLEY, Jenniffer. (2000). On-Line Interaction and Why Candidates Avoid It. Journal of Communication. 50,4.

VERÓN, Eliseo. Esquema para el análisis de la mediatización. Revista Dialógos – FELAFACS. Nº 48. Lima. (Outubro). 1997.

______. Abdução fundante. In: VERÓN, Eliseo. Semiosis social 2: ideias, momentos, interpretantes. Buenos Aires: Paidós, 2013.

WOLTON, Dominique. Internet, e depois: uma teoria crítica das novas mídias. Porto Alegre: Sulina, 2003.
Publicado
2019-05-30
Como Citar
Maia, L. R. (2019). A política dos eleitores no Facebook dos candidatos: processos interacionais nas eleições presidenciais de 2014. Compolítica, 9(1), 29 - 54. Recuperado de http://compolitica.org/revista/index.php/revista/article/view/197